3.12.09

Há já alguns dias, na sequência de outro post, recebemos um email com as imagens que abaixo publicamos. Obrigado.
"Podereis analisar a evolução do processo de extracção do azeite, assim como as sucessivas inovações do fabrico de lagares de fabrico Tramagal. Verifiquem por exemplo os centros dos moinhos de galgas cilindricas... O 1º ainda Duarte Ferreira e Filhos Ldª, O 2º já com a marca MDF - Tramagal. Depois foi evoluindo para moinhos de 3 e 4 galgas cónicas, passando depois para moinho de martelos rotativo. Agora existem os chamados lagares em linha, compostos por um ou mais moinhos de martelos rotativos seguidos de extractores de azeite e separadoras (centrifugadoras)."

1 comentários:

Atalaia disse...

Amigo TZ
obriagado pela publicação destas fotos muito elucidativas daquilo que a nossa terra contribuiu para a evolução do processo de extração deste bem alimentar.As imagens do lagar de vara, são imagens do lagar do Marquês de Pombal sito em Oeiras, e que hoje se encontra aberto ao público como museu.De seguida encontra-mos um lagar fabrico e montagem MDF,que se encontra à venda em Mafra pelo preço de €1500 talvez uma excelente oportunidade para os dinamizadores do museu da MDF o adquirirem se acharem serem peças interessantes. E finalmente, temos um moinho de azeitona de galgas cilindricas montado numa retunda na cidade de Mirandela uma boa ideia para substiuir o célebre candeeiro do Muro do Barulho