21.11.09

Outono
Fall - Herbst - Automne - Otoño - Herfst - Fhómhar - Autunno - OceHb - Jesień
RL

8 comentários:

ze disse...

Caro TZ!
Pode melhorar por exemplo.
Na informação desportiva do TSU.
Da divulgação dos jogos, aos resultados!
A equipa de séniores futebol 11, hoje "matou o borrego".
Sabia disso?
Sabe o que é o CHÁ Dançante?
Hoje ocorreu mais um na ARTRAM!
Sabia disso?
Sabe que a AHDSFT (Os doadores de sangue da freguesia), vai organizar uma festa de natal?
Quer fotos?
Quer mais ajuda?
Olhe ainda lhe digo mais, o Outono não é só no Tramagal!
É por todo este nosso Portugal, e não só.
E fotos destas encontram-se em qualquer blogue!

Lamacheira e Barca disse...

Assim mesmo é que é falar..... (hi,hi) Agora é só participar activamente na construção de um blog melhor. Foi por isso que o TZ não proibiu ninguém de participar na sua construção. Agora não queiram que o homem deixe de viver para ter o blog super actualizado, ajudem-no.

Atalaia disse...

Haja festas e comanças, futebolescos,Festas de Natal aqui e ali basketbolia etc, etc...Depois queixem-se de que nem a história do Tramagal conseguiram assimilar...Prá frente Tramagal!!!

RL disse...

È verdade comentador Zé, na minha 2ª classe vivida no edifício junto ao dos Correios/Rádio Tágide aprendi os pontos cardeais, as latitudes e longitudes deste nosso planeta que corre o risco de ficar sem Outono se nada for feito… POR TODOS NÓS, por isso concordo quando escreve: ”Olhe ainda lhe digo mais, o Outono não é só no Tramagal! É por todo este nosso Portugal, e não só.”,
…não deixe pois de ajudar.
…até mesmo utilizando mais o comboio e menos o carrito.

Acredite que no dia que as fotos da nossa terra estiverem por todo o lado, o que não seria a primeira vez, embora noutros meios de ’comunicação’, e que seja por bons motivos, pelo menos uma bjeca(dúzia) ia abaixo, (até mesmo proibido que estou pelo médico, com papel carimbado e vinhetado).

E então se para isso tiver contribuído…upa, upa!

O Zé nem calcula quanto a sua ajuda É fundamental.

. . . . .

Ora bem, ajuizadamente o conterrâneo(a) Lamacheira e Barca, por cá vai convivendo e até comentou… de facto há que saber estabelecer prioridades, mantendo a boa disposição.
(Aposto que os refrescantes ares de maresia ribeirinha que assolam as manhãs da Lezíria para isso contribuem.)

Saudações e um (hi,hi) também para si.

. . . . .

De Atalaia parece estar o dito.
Porquê?

A “história da Vila” relembra-me um velho debate, recorrente entre tantos outros, que de quando em vez dão à tona… o Museu. Abordá-lo, seja esse ou a Ponte, o Parque Desportivo ou Escolar, o Tejo, a Cidadania, o Clima, etc., etc., com “...depois queixem-se… eu não disse!” é que não posso aceitar.

A História somos todos nós. Sem nós não existiria História. É OUTONO.

Prá Frente Tramagal!!! Vila Convivio!!!
Um abraço

Bortial disse...

Como compreendo o amigo zé! A verdade e que este blogue, desde o momento em que os "anónimos" deixaram de poder participar, perdeu parte do interesse que teve até então. É discutível, sei muito bem, que se ponha a coisa nestes termos. Mas também é verdade que acabava por se retirar algo de positivo de algumas reacções. O que não há dúvida é que este blogue, neste modelo, neste emperrar constante fruto da distancia do principal "dono", não tem no momento o interesse que devia. É muito parco não só em temas como de notícias da "nosa" terra. Se reparamos bem, a confirmarem-se as suspeitas de que alguns "opinadores" constantes dos comentários estão fora, o que é que resta?! o zé e pouco mais. Como conclusão: este blogue acaba por não representar o Tramagal, quando, em dado momento, muitos fizeram crer que este era quase um orgão oficial da freguesia.
Só uma solução: dar a volta ao texto e o zé transportou um conjunto de dados que serão importantes incluir no blogue.
É preciso comportar mais ajudas mormente de tramagalenses que sabem da poda e não cingirem-se somente ao jornalista da Rádio Tágide que não pode, sozinho, dar para tudo.
Viva o blogue TRAMAGAL remodelado
Viva o TRAMAGAL

Atalaia disse...

Amigo RL
A história é o passado,não a concebo como o presente,este irá fazer parte da história.Não dúvido de que temos de abordar o presente como forma de opinar para construir um BOM futuro...Mas não me parece que seja a promover CHáS dançantes,almoços dos Quins,dos Maneis,das Marias, Joões,etc etc.
Penso que que o Tramagal necessita de outras actividades,não em circuito fechado,mais abertas e interessantes,rigorosas no sentido de que possa surgir algo útil com direcção ao desenvolvimento desta terra isso sim...Que venham as ideias,o projecto e a realização do sucesso;Depois surjam então os CHÁS,os Almoços,isto tudo incluído numa mega festa para comemorar o sucesso.E este passará pelo bem estar da população em geral, e não restrita apenas a grupinhos de côro e pessoas tipo «MEIA NAU»!!! VIVAM OS TRAMAGALENSES E VIVA O TRAMAGAL

Lamacheira e Barca disse...

Em suma, todos tem e o mesmo intuito… fazer desenvolver o Tramagal e dinamizar o blog. Mas pergunto; não será este um papel de todos nós (e eu também)? Concordo que não nos podemos limitar a divulgar só actividades de convívio, (o chamado “pão e circo” á que criar um outro dinamismo nas nossas actividades e desenvolver esforços para voltar a juntar a população em torno de projectos que nos promovam. É aqui que considero que esteja a chave do nosso desenvolvimento. É com um certo espírito de revolta que vejo a Associação de melhoramentos sem direcção, logo a colectividade que por “bem ou mal” mais contribuiu para que fossem feitas obras na nossa vila, muitas com a força das mãos dos nossos moradores. È isto que é unidade que nos deu no passado uma identidade. Se recordarem, as grandes obras da vila foram feitas pela população ( a SAT, a casa mortuária, o campo de ténis…..)
Dinamizem …
Ajudem a desenvolver…
Sejam participativos…
E colaborem em cionjunto…

Atalaia disse...

Então e o executivo da JFT ?...Já iniciou as démarchs necessárias,à aproximação da comissão de melhoramentos,com vista a encorajar os ânimos dessa dita associação,informando-a dos possíveis incentivos financeiros comunitários?... ZERO, não é...Então suplantamos um orgão de poder local com legitimidade?...Amigo Lamacheira...Tome nota:- Que não andem os carros à frente dos bois,e uma boa informação e credível,e com a respectiva colaboração, possívelmente abre-nos o caminho!... Medite e diga de sua opinião.