1.2.09

Este blog destina-se a promover o Tramagal, no entanto, o Crucifixo e' muitas vezes esquecido como parte integrante da Freguesia do Tramagal. Por isso deixo aqui um conjunto de fotografias que teem a intencao de assinalar a presenca do Crucifixo. Numa delas, podem ver-se as pinheiras 'a entrada da aldeia. Esta area de arvores majestosas que tem sobrevivido ao tempo e 'a motoserra devia ser preservada tal como esta' e nos seus chaos poderia ser feito um pequeno parque de merendas, com umas mesas e bancos de madeira e um ou dois churracos, para o frango e a sardinha assada. Nao tenho duvidas que as populacoes do Crucifixo e Tramagal utilizariam o espaco com prazer e para isto nao sao precisos milhares, mas sim boa vontade. Boa vontade dos donos do terreno em deixarem utilizar o espaco, boa vontade da Junta em mandar fazer as tais mesas e bancos e boa vontade da populacao em preservar um espaco de excelencia. Noutra foto esta' a desprezada Fonte do Castanho. Com uma arquitectura peculiar esta construcao e' tambem patrimonio arquitectonico tramagalense e devia ser preservado na medida do possivel, quanto mais nao fosse com umas pinceladas de cal.
O Crucifixo e' mais antigo do que o Tramagal e ha' um dado curioso, a Igreja da aldeia tem uma cruz Celta no seu topo. Para mim e' um pouco misterioso este facto como tambem o e' a propria historia da aldeia. As restantes fotos, sao da ribeira do Alcoobre, uma curso de agua com seculos de historia, que se encontram abandonados 'a semelhanca doutros locais da freguesia. Prometo que da proxima vez que for ao Tramagal, farei os levantamentos fotografico e video da ribeira ,onde os romanos encontraram ouro e cobre e onde os nossos antepassados moeram os cereais para fazer farinha.

7 comentários:

Cidadão abt disse...

Oh! Pá! Hyubris!
Uma banda fantástica, com a preciosa voz e a presença em palco da espectacular Filipa Mota!Sem desprimor dos restantes elementos!Mas ela é a alma!Mereciam uma projecção mais Nacional!
Para quando o lançamento do próximo álbum, "Forja"?
Quanto á ribeira... será do Alcoobre, Alcolobra ou Alcolobre?
E os habitantes do Crucifixo... chamam-se?!
B`noites.

Cidadão abt disse...

A Igreja tem uma cruz Celta no seu topo?! Cruz Celta?
Ah! Cá o Cidadão já sabe de onde vêm as influências Celtas, associadas ao folk-rock e heavy-metal dos Htubris!
Um abração a essa "rapaziada"!

Tramagal1754 disse...

Quanto ao album nao sei nada. Quanto ao nome da ribeira ja ouvi as versoes que indicou, nao sei qual deles estara' certo, mas eu sempre chamei Alcoobre. No vale da ribeira os romanos mineraram ouro e cobre, ( normalmente estes dois elementos estao associados, se se encontra cobre e' provavel que se encontre ouro), no entanto o nome sera de origem moura, por causa das duas primeira letras AL. Coobre, colobra ou colobre, poderao derivar do latin Cuprum. Mas e' uma questao de se saber qual a real origem e a palavra arabica para cobre.
Os habitantes do Crucifixo, chamar-se-ao crucificences, mas eles gostam de se chamar a si proprios de Carinos, por isso Carinos lhes chamarei. Saudacoes.

Anónimo disse...

De Abílio Pombinho

Posso informar-vos que muitos elencos de Juntas de Freguesia tentaram junto do proprietário a inclusão de um parque de merendas dentro daquele espaço das pinheiras.
Nunca obtiveram a anuência e qualquer dia ele(s)ainda há-de vir pedir batatinhas à Junta de Freguesia porque se não actuar rapidamente pode vir a sofrer um desgosto. Refiro-me ao alinhamento das pinheiras ao longo da estrada que não respeita a distancia que a lei determina, e que por diversas vezes já causaram muitos problemas com a queda de pedaços das árvores em cima de viaturas e pessoas para além do que está estipulado para efeitos de eventuais incêndios. Se porventura tivessemos uma Câmara à altura este problema já estaria resolvido.
Porque o terreno é do mesmo proprietário, e já que estou a ver que andam agora muito preocupados com questões que cá, na terra, não se esquecemos de debater, porque não abordam também porque razão continua sem urbanizaar ou implementar uma zona verde entre a Rua do Tronco até à Rua da Fonte nova e a Rua Engº Manuel? Para que todos entendam trata-se do terreno em frente à Junta de Freguesia.
Já agora. Ao que se sabe terá sido solicitado à CMA um pedido de viabilidade desse mesmo espaço para construir um lar de idosos!
Afinal porque demorou tantos anos a discutir o Plano de Urbanização do Tramagal?
E já agora porque não arranjam condignamente o parque de estacionamento junto aos CTT? Em Outubro de 2001, as proprietárias em carta endereçada à JFTramagal doaram o referido espaço para o efeito desejado. Porque não se cumpriu esta tarefa?
Já em comentário anterior me referi ao facto de me parecer que quem está fora e que é de Tramagal, julgará qie os que cá estão não se preocupam com os problemas e até das pequenas (grandes) coisas. Estão enganados meus amigos.
Uma proposta: façamos todos um colóquio na SAT, num qualquer sábado próximo, subordinado ao tema TRAMAGAL, ONTEM, HOJE E AMANHÃ.
Um abraço a todos.

Tramagal1754 disse...

Caro Abilio. O facto de eu falar destas coisas nao significa que estou a fazer uma critica negativa a quem quer que seja. No caso das pinheiras foi apenas uma ideia que me ocorreu. Mas posso concerteza falar, e um dia fa-lo-ei neste blog, sobre a ideia dos antigos bancos do Largo dos Combatentes serem instalados no espaco da igreja do Crucifixo. Como deve saber os bancos apodrecem no espaco da Junta, junto 'a estrada 118 e no Crucifixo, sao muito poucos os bancos publicos, talvez se contem pelos dedos de uma mao. E' claro que ha muitas coisas que teem forcosamente de ser feitas e se me desse na gana podia enumera-las uma a uma, mas eu nao quero ferir a sensibilidade de quem deve fazer esse levantamento e por consequencia levar a efeito tais obras. Quem esta' fora de Tramagal, tera' culpa no cartorio, porque abandonou o barco como se costuma dizer, mas isto nao implica que nao se tenha uma visao critica e que nao se lancem algumas ideias. Talvez, se houve-se mais empenhamento em incentivar ideias, houve-se mais entusiasmo nas pessoas que ocupam determinadas posicoes, esses e outros problemas fossem mais simples de resolver. De qualquer modo, obrigado pelo comentario. Era bom que mais pessoas dessem a sua opiniao, era um sinal de que afinal se importam com a sua terra.

valentim disse...

Obrigado pelas imagens
de um Carino!

Tramagal1754 disse...

Nao tem de que Valentim. Estas e outras fotos estao tambem editadas no Panoramio. Pode ve-las atraves deste blog, sob o nome de Horta F, ou HF